Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Notícias mais lidas em 2016

Barulho e objetos no céu intrigam moradores em São Leopoldo

Moradores ouviram estrondo na zona norte e, na Feitoria, objeto colorido foi visto no céu
Foto: Adelita Silva Marcos/Especial.
Adelita Silva Marcos/Especial
Imagem registrada pela moradora na Feitoria
São Leopoldo - Entre a noite de quarta-feira e a madrugada desta quinta (18), três moradores de São Leopoldo relataram terem visto ou ouvido estrondos e visualizado objetos estranhos no céu. No bairro Feitoria, a dona de casa Adelita Silva Marcos, 37 anos, moradora há seis anos na Rua Pastor Hilbk, afirma ter visto um objeto colorido no céu na noite de quarta-feira. “Estava com minha filha mais velha na varanda quando enxergamos aquele objeto colorido parado. Não era avião e tinha muitas cores. Logo ele começou a se mover e pegamos o celular para fotografar, porém as luzes coloridas não aparecem bem na foto. Não havia barulho quando ele estava longe, porém, quando se aproximou e passou sobre a nossa casa, fez um ruído estranho, forte”, afirma Adelita. A dona de casa ressalta que nunca presenciou algo similar desde que reside no bairro. “Meu marido estava dentro de casa e saiu para ver. Inicialmente achou que fosse um avião, mas depois percebeu que era muito maior. Vou até tirar uma foto de um avião para provar que não é a mesma coisa”, reforça. Também na noite de quarta-feira, porém na zona norte, moradores relataram estrondos.
Barulho ouvido na zona norte
Na Rua Joaquim José de Mendanha, bairro Scharlau, por volta das 23 horas, um barulho no telhado de uma residência chamou a atenção do estudante João Dietrich da Rosa, 27 anos. “Escutamos no telhado, como se fosse um bicho, mas logo sumiu.” João disse que o episódio se repetiu às 3 horas da madrugada desta quinta. Um das possibilidades citadas para justificar a aparição de luzes e barulhos no céu seria o uso de helicótero, já que na noite de quarta-feira a terceira fase da Operação Avante, sob o comando da Brigada Militar (BM), foi realizada na cidade. Entretanto a assessoria de imprensa da BM destaca que não foi utilizado helicóptero ou drone na ocasião.
A reportagem do Jornal VS buscou esclarecimentos também com o V Comar (Quinto Comando Aéreo Regional) de Canoas, entretanto o responsável pelo quartel informou que o assunto só poderia ser tratado via assessoria de imprensa a partir desta sexta-feira.
Rastro estranho na grama do vizinho
Matheus Beck/GES-Especial
Moradora estranhou a grama amassada
A dona de casa Telma Hans, 52 anos, moradora na Rua Coronel Augusto Teles Ferreira, Vila Brasília, há 14 anos, afirma ter ouvido na madrugada de ontem um estrondo diferente, muito forte e que se parecia com o som de um aparelho de ar condicionado sendo ligado, porém numa proporção maior. Na sequência, Telma relata que o gramado do terreno baldio que fica ao lado de sua casa mudou. “Parte da grama estava desmaiada, como se algum animal muito grande tivesse se deitado ali”, conta. O local é murado.
Telma diz que acordou de madrugada e foi buscar uma consulta na Unidade Básica de Saúde (UBS) Campina. “Fui lá e vi que não haveria atendimento e então voltei pra casa. Logo que cheguei, perto das 6 horas, ouvi o som de algo como uma explosão, em seguida olhei para o céu e vi, ao lado de uma estrela, um ponto branco brilhante, mas que não era uma outra estrela, que logo desapareceu. Nunca havia visto ou ouvido algo similar. Pensei que fosse algum aparelho sendo ligado pela vizinhança.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS