Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Violência

Em noite violenta, São Leopoldo tem três execuções e uma menina baleada

Mortes foram registradas em horários e locais diferentes da cidade
Brigada Militar/ Divulgação
Carro onde estava uma das vítimas; menina de 4 anos foi atingida na cabeça
Em uma noite violenta, São Leopoldo registrou três homicídios e ao menos dois feridos, entre eles, uma menina de 4 anos. A criança foi atingida com um tiro na cabeça. De acordo com a Brigada Militar, os crimes aconteceram em bairros e horários diferentes. Ninguém foi preso até o início da manhã desta sexta-feira (5).
O primeiro caso foi registrado no início da noite na Rua Bertholino Linck, no bairro São Miguel. Walter Nunes Cavalheiro morreu ao ser atingido por vários disparos de arma de fogo depois que dois homens desceram de um veículo e saíram atirando contra o carro dele. Dentro do Chevrolet Vectra de Walter, também estavam a enteada de 4 anos, ferida na cabeça, um homem que foi atingido no braço e a esposa dele, que não ficou ferida.
O homem ferido foi levado para o Hospital Centenário e não corre risco de vida. A menina, após receber atendimento no hospital de São Leopoldo, foi transferida para o Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre. Segundo informações da Brigada, estojos de pistola 9mm e de espingarda foram encontrados no local do crime.
No início da madrugada, no bairro São João Batista, outro homem foi morto com vários disparos de arma de fogo. Ele foi atingido na cabeça. De acordo com a BM, os autores do crime deixaram um bilhete ao lado do corpo da vítima, que não teve o nome divulgado, indicando que foi uma execução.
O último caso foi registrado por volta das 2h30 desta sexta-feira. na Vila Paim. Segundo a BM, Alexandre Goulart Ramires, de 32 anos, morreu após ser atingido por mais de dez tiros. Os executores invadiram a casa da vítima e saíram atirando. Ele morreu na hora. 
A Polícia Civil investiga os três crimes.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS