Compartilhar...

VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

Livros

Sala de Leitura

Confira as dicas de Jane Regina Mathias
Jane Regina Mathias é advogada
janerm@sinos.net
Paraíso e Inferno (Cia. das Letras, 200 p., R$ 44,90), Jón Kalman Stefánsson. O romance Paraíso e Infernoé ambientado na Islândia, no século 19. Uma pequena embarcação de pescadores é apanhada de surpresa por um terrível temporal. Báröur, um dos tripulantes, que havia esquecido de trazer vestimenta apropriada para as baixas temperaturas em alto mar, morre tragicamente de hipotermia. Um jovem pescador, amigo de Báröur, se surpreende com a aparente indiferença dos companheiros de viagem diante da morte. Desiludido e confuso, ao voltar para terra, o jovem decide abandonar sua aldeia, arriscando atravessar a pé as montanhas, em pleno inverno, com uma ideia fixa: chegar à cidade mais próxima para devolver o livro Paraíso Perdido, de John Milton, a um velho capitão cego, que o emprestara para seu amigo. No curso da viagem se evidenciam os conceitos de vida e de morte e do quanto é tênue a linha divisória de ambos. A certeza do que é a vida, a incerteza do que vem a ser a morte. Trecho (ed. portuguesa): “A vida humana é uma corrida constante contra a escuridão do mundo, a traição, a crueldade, a covardia, uma corrida que tantas vezes parece desesperada, mas ainda assim, corremos e, ao fazê-lo, a esperança sobrevive”.
1946 (Chiado Editora, 248 p., 35 reais), Flávio Juarez Feijó. Depoimentos e reflexões sobre 1946política, economia, música, geologia, futebol e viagens de carro, de ônibus, de trem-bala e de maria-fumaça, entremeadas com dezenas de experiências e episódios marcantes da vida do autor. Retrato vivo do Brasil e do mundo nos tempos recentes e não tão recentes. Trecho: “... e é conhecido como Código de Hamurabi, em referência ao rei babilônico que o editou. Mil anos depois, o povo hebreu lutava pela própria existência, e os soberanos sentiram a necessidade de uma lei que os unisse. Mas não havia como todo o povo, 99,9% analfabeto, decorar um código tão longo e complexo. A solução foi genial, resumir aquele texto enorme em dez leis curtas e de fácil memorização. Não por acaso, o mesmo número dos dedos das mãos. E torná-las de cumprimento obrigatório, por terem sido entregues pessoalmente na forma de tábuas da lei pela própria divindade a um personagem heroico, que libertou o povo da escravidão e o guiou à Terra Prometida. Lindo, mas falso (...) Não matar e não roubar são preceitos essenciais para a vida em sociedade, e são impostos aos cidadãos por dezenas de códigos legais pelo mundo afora. Não desceram do Monte Sinai, mas fazem parte do pacto social desde Hamurabi, há 3770 anos”.
Colégio Interno - BBS (Autografia, 200 p., 45 reais), Márcia Carolina. Romance para Colégio Internojovens leitores. Camila Bastos tem 17 anos e é dona de personalidade forte, tendo, muitas vezes, forte inclinação para escolhas perigosas. Seus pais decidem que ela deverá estudar em um colégio interno, o Brusquet Boarding School, para viver o terceiro ano do ensino médio. Lá ela conhecerá novas pessoas que podem se tornar especiais, além de descobrir que o novo é essencial. Felipe Freitas, outro personagem do romance, estuda no Brusquet Boarding School há alguns anos. Jovem doce, amável e solteiro, Felipe busca a menina ideal. É o genro dos sonhos de qualquer pai, o projeto de menino perfeito, diferente de Camila. Trecho: “Meus pais estavam conversando sobre a minha ida ao colégio interno. Era estranho ouvir palavras carinhosas e algumas brincadeiras ao meu respeito. Não estava acostumada com o afeto e carinho deles, muito pelo contrário. Normalmente nós não conversávamos muito, eram coisas normais, como se conversássemos com pessoas aleatórias. Meu coração falou mais alto quando escutei aquelas palavras e por mais que estivesse com muita vontade de chorar, coloquei o sorriso mais bonito que eu tinha”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS