Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Violência em Gravataí

Schirmer promete resposta imediata

Secretário de Segurança Publica do Estado garantiu força-tarefa com início nesta terça-feira (12)


Rodrigo Ziebell/SSP
Reunião aconteceu após onde de homicídios na cidade
Entre a noite da última sexta-feira, 8, e a madrugada desta segunda-feira (11), nove pessoas foram executadas na cidade e outras nove foram baleadas.


Segundo o secretário estadual de Segurança Pública, Cezar Schirmer, logo pela manhã de segunda-feira, o prefeito Marco Alba ligou e os dois conversaram sobre a situação da cidade. Às 17h30, os dois se reuniram em Porto Alegre.


Após a reunião, Schirmer anunciou que será realizada uma força-tarefa, com operações integrando as forças municipais e estaduais, com foco no combate aos homicídios. Em entrevista à nossa reportagem, o secretário garantiu que as ações começam hoje. “Faremos uma operação de grande ostensividade, integrando serviços de inteligência e policiamento”, anunciou.


Para Schirmer, a escalada no número de homicídios na cidade está relacionada a ação policial em outras áreas. “O crime se move. Apertamos bastante em Porto Alegre, o que inclusive levou a uma melhora nos índices, mas os criminosos buscaram refúgio em outros municípios, como Gravataí, que sabemos, vive uma disputa de quadrilhas por pontos de vendas de drogas”, analisou o secretário.


A vinda da Força Nacional foi descartada. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a burocracia para que houvesse a liberação do Ministério da Justiça dificultaria a resposta imediata.


Participaram da reunião membros das cúpulas da segurança no Estado e no município, como o comandante-geral da Brigada Militar, coronel Andreis Silvio Dal’Lago, o subchefe de polícia, delegado Leonel Fagundes Carivali, os diretores de Planejamento e de Inteligência da SSP, coronel Eduardo Biachi Rodrigues e delegado Rodrigo Pohlmann, o comandante do 17º BPM tenente-coronel Vanderlei Padilha; do secretário municipal da Segurança Pública, Flávio Lopes.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS