Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Série B

Após nova decepção no retorno para a série A, Guto Ferreira não é mais o técnico do Inter

Sequência de resultados frustrantes derrubou técnico colorado
11/11/2017 19:22 11/11/2017 21:02

Ricardo Duarte/Inter
Técnico Guto Ferreira foi demitido do comando do Internacional neste sábado, após empate com o Vila Nova-GO

O gigante ainda não voltou, adiou a classificação matemática à Série A e demitiu o técnico Guto Ferreira. Saldo do sábado frustrante para os mais de 33 mil colorados que foram ao Beira-Rio e se enfureceram com o empate de 1 a 1 do Inter diante do fraco Vila Nova, de Goiás, que ocasionou além da demissão do técnico a perda da liderança da Série B. Queda de Guto que se explica pela esterilidade técnica e tática do time, os resultados e o desempenho, que nas últimas quatro rodadas não venceu nenhum jogo e pareceu desaprender a jogar a já curta bola que vinha apresentando. O que coloca o time na obrigação de arrancar ao menos um ponto na próxima partida, diante do Oeste, em São Paulo, e fez chiar de vez a panela de pressão que há várias rodadas vinha fumegando dentro do ambiente rubro, tal a falta de imposição da equipe no Gigante e fora de casa. Mesmice que levou à fúria da torcida, que vaiou duramente o time ao final do jogo com os goianos e se espalhou depois em violência nas cercanias do Beira-Rio, em confrontos de alguns torcedores com a Brigada Militar. Dentro de campo, o jogo deste sábado teve a ilusão da volta a partir da ajuda do Juventude, que na sexta ficou no empate sem gols com o Oeste, em Caxias, e pelo gol de Cláudio Winck diante do Vila Nova, aos 11min da etapa inicial. Porém, mais uma vez a torcida, que em romaria rumou ao seu templo sagrado durante toda a saga na B, fazendo jus ao slogan do “nada vai nos separar”, ficou novamente sem ser presenteada com a classificação. Mesmo esse torcedor sendo coração e pulmão o tempo todo, o time não soube dar a resposta, controlar o nervosismo e fazer o resultado, num desempenho quase abaixo da crítica.

Vaia pesada da torcida
A bola curtíssima e o descompasso rubro se materializaram aos 4min da etapa final, no empate do Vila Nova. Em bola cruzada para a área e afastada por Thales, o atacante Juan conseguiu um voleio estranho, mas suficiente pra surpreender a zaga e Danilo Fernandes, que falhou e não esboçou reação no lance. Com o Vila gostando do jogo e o Inter sem soluções ofensivas a partida ficou tensa. Nem as entradas de Camilo, Carlos e Nico López conseguiram acertar um time torto. Desorganização tática que o torcedor não perdoou ao final, descarregando a frustração na vaia e nas brigas pela quarta partida sem vitória, a ruindade técnica e a não classificação matemática. Que virá, talvez no próximo jogo, mas que até lá mantém pulsando uma dor desnecessária para a sofrida nação vermelha.

Internacional (1): Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Thales, Léo Ortiz e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenilson, D'Alessandro e Eduardo Sasha (Nico López), William Pottker (Camilo) e Leandro Damião (Carlos). Técnico: Guto Ferreira.

Vila Nova-GO (1): Luis Carlos; Anderson Luís (Léo Rodrigues), Wesley Matos, Alemão e Gastón Filgueira; Fagner (Heitor), Geovane, Maguinho, Alan Mineiro e Ruan; Lourency (Tiago Adan). Técnico: Hemerson Maria.

Gols: Cláudio Winck (I), aos 11min do primeiro tempo, Ruan (V), aos 3min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Rodrigo Dourado, D'Alessandro (I); Geonave, Fagner (V).

Total Público: 33.088. Pagantes: 28.268. Menores: 3.120. Não pagantes: 1.700. Renda: R$ 735.273,00.

Arbitragem: Dyorgines Jose Padovani de Andrade, auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antonio Zanotti (trio do Espírito Santo).

Local: Beira-Rio.


Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS