Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Cinema

Star Wars: Episódio VIII - Os Últimos Jedi estreia hoje em todo o mundo

A força está de volta com Rey e Luke Skywalker
14/12/2017 08:47 14/12/2017 08:48

Diego da Rosa/GES
Universo Star Wars está em todos os lugares, principalmente em brinquedos e colecionáveis
Quando a fanfarra mais famosa do mundo ganhar volume, acompanhada da trilha composta por John Williams, e surgir o letreiro que sobe pela tela, de forma ímpar, plateias de diferentes cantos do planeta irão entrar em êxtase. Sim: é coisa de fã. É coisa que move uma multidão. É Luke Skywalker que irá se mover para garantir a continuidade de uma das sagas mais poderosas do cinema: Star Wars. Criada em de 1977 por George Lucas, a série chega ao sei oitavo filme – sem contar produções de tirar o fôlego principalmente para a Internet e até mesmo filmes entre os longas, como o excelente Rogue One. Enfim, chegou a hora de Episódio VIII – Os Últimos Jedi, que estreia hoje, dia 14, em todo o mundo, com sessões em praticamente todos os cinemas, incluindo salas de São Leopoldo, Novo Hamburgo e Canoas (confira na programação de cinema os horários e as salas).

Na verdade, algumas sessões de pré-estreia já mobilizaram fãs no primeiro minuto desta quinta-feira (14), com sessões programadas em São Leopoldo e Canoas. Um momento muito especial para os fãs. Com direção de Rian Johnson, a trama mostra o encontro do mítico e recluso Luke (Mark Hammil), que vive em uma ilha isolada, com a jovem Rey (Daisy Ridley). Ele assume os ensinamentos da aprendiz que busca entender o equilíbrio da força a partir dos ensinamentos do poderoso mestre jedi.

Paralelamente, o Primeiro Império de Kylo Ren (Adam Driver) se reorganiza para enfrentar a Aliança Rebelde. Apesar de carregar o número oito, Os Últimos Jedi é o segundo capítulo da nova trilogia da saga, que iniciou com o ótimo Star Wars Episódio VII: O Despertar da Força, dirigido por J. J. Abrams. É em O Despertar da Força que todos passam a acompanhar os passos de Rey, uma sobrevivente, uma coletora de lixo, que aos poucos sente que possui um poder muito grande. Não está claro qual sua origem, mas é evidente que ela se tornará a mais poderosa que qualquer Jedi. O desafio é saber qual caminho da força ela irá escolher.

Uma nova ameaça

Após a queda de Darth Vader (se é que se pode dizer isso) e do Império, surge uma nova ameaça: a Primeira Ordem, uma organização sombria que busca destruir o poder da República e que tem Kylo Ren como expoente. Kylo Ren segue a sombra de Vader – o mais incrível vilão da história do cinema. Na verdade, o maior. E a produção que apresenta Rey e o próprio Kylo Ren garantiu intensas emoções com a presença de Harrison Ford e Carrie Fischer, Han Solo e princesa Leia. Enfim, alguns momentos que devem se repetir, principalmente com Leia - uma das primeiras personagens femininas fortes do cinema na ficção. Carrie morreu em 27 de dezembro de 2016. Suas cenas já estavam gravadas na nova produção da saga. E foi ela, que em um certo maio de 1977 se destacou e conseguiu transmitir as informações de como destruir a Estrela de Morte.

Universo Guerra nas Estrela

Além dos filmes da saga Star Wars, das temporadas, dos curtas de Star Wars Rebels e da série Guerra dos Clones – incluindo aí documentários especiais, a série conta com um universo gigantesco de produtos. A imagem de Darth Vader, por exemplo, está em inúmeros produtos. São camisetas, pijamas, roupas íntimas, jaquetas, bonés, canecas, chaveiros, jogos e muitos bonecos. São bonecos para colecionar e para brincar, incluindo aí a própria Rey e Jyn Erso - líder rebelde em missão para roubar planos da Estrela da Morte. Eles podem ser encontrados em lojas normais de brinquedos e até mesmo em redes especializadas, com personagens colecionáveis.

No passado distante era bem mais difícil ter acesso a produtos da saga. Um dos poucos existentes eram um álbum de figurinhas e a imaginação. Afinal, é difícil encontrar alguém da geração Guerra nas Estrelas que já não tenha utilizado uma cabo de vassoura como sabre luz e ter produzido o famoso som das espadas utilizadas pelos jedi. Enfim, que a força esteja com você!


Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS