Jornais
FECHAR
  • Jornal NH
  • Diário de Canoas
  • Jornal de Gramado
  • Diário de Cachoeirinha
  • Correio de Gravataí
Grupo Sinos
Publicado em 26/08/2015 - 11h04
Última atualização em 26/08/2015 - 11h09

Imagem de Nossa Senhora Educadora chega ao Colégio São José

Imagem abençoada pelo papa Francisco está peregrinando pelo País

Sônia Bettinelli - sonia.bettinelli@gruposinos.com.br

Foto: Matheus Beck/GES-Especial
São Leopoldo – A imagem de Nossa Senhora Educadora, abençoada pelo papa Francisco, em fevereiro deste ano, em Roma, está na capela do Colégio São José. A imagem peregrina que tem a missão de levar paz e amor por onde passar foi recepcionada na tarde de terça-feira (25) pelos alunos das séries iniciais.
 
Com balões brancos, flores, música e oração a pequena imagem que segura na mão de uma criança, foi trazida de Caxias do Sul pelas religiosas Ceris Oliveira e Leda Rabuske, respectivamente diretora e secretária da instituição. “É uma emoção e uma alegria receber a imagem que representa a presença do papa Francisco. Como ele (papa) não consegue visitar todos os locais mandou Nossa Senhora Educadora”, explicou irmã Ceris.
 
Obra de duas artesãs brasileiras, Maria de Nazaré Rodrigues e Azanate Rodrigues, da Casa do Artesão de Brasília, a santa foi abençoada durante o 4º Congresso Educativo de Escolas Católicas e permanecerá no Colégio São José até 16 horas de quinta-feira (27), quando seguirá para a Unisinos. Nesta quarta-feira (26) haverá oração na capela e depois a imagem será levada em todas as salas de aula. Às 19 horas haverá missa aberta à comunidade. A peregrinação da Nossa Senhora Educadora, promovida pela Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC), começou pelo RS e seguirá por todo o País, nas instituições que solicitarem a imagem.
 
Evangelização nas instituições de ensino 

Em frente à imagem, no interior da capela, as alunas Lúcia de Mello Dôtto, 9 anos, e Kalinca Rebouças, 9 anos, cantaram e rezaram. “Pedi para Nossa Senhora Educadora abençoar minha família e minha tia que é doente”, pediu Lúcia. Kalinca fez um pedido especial para mãe que está se recuperando de uma cirurgia. Conforme a irmã Ceris a peregrinação significa um tempo propício para a evangelização nas instituições de ensino para abrir espaços de oração, para aproximar mais a família da escola. “Com a intercessão de Maria Mãe Educadora possamos contribuir para uma sociedade melhor.

O Santuário Nossa Senhora Educadora é um espaço privilegiado de celebração, ligado ao Colégio ISBA e à Faculdade Social da Bahia (FSBA), integrado à Paróquia da Ressurreição do Senhor de Ondina e aberto a toda a comunidade cristã de Salvador. Localizado num ponto importante do bairro de Ondina e elevado a “Santuário” pelo hoje emérito Cardeal Arcebispo de São Salvador da Bahia, Dom Geraldo Majella Agnelo, em 18 de março de 2004, nele se realizam celebrações especiais de aniversários, bodas, casamentos, falecimentos etc. Foi construído em 2005, na arquidiocese de Salvador.

Publicidade