Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Gauchão 2019

Aimoré encerra ciclo de amistosos com empate em 1 a 1 diante do São Luiz

Quinto e último amistoso da pré-temporada foi realizado no Estádio Cristo Rei
11/01/2019 21:40 11/01/2019 21:41

Com o recém-anunciado Marcelo Pitol no gol e vestindo pela primeira vez o uniforme oficial da temporada, o Aimoré não conseguiu superar a equipe alternativa do São Luiz, na tarde de ontem, no quinto e último amistoso da pré-temporada. Os dois gols, ambos de pênalti, foram marcados no primeiro tempo. O time visitante abriu o placar com Janderson, aos 40 minutos, e o Aimoré empatou na sequência, com Henrique Ávila, aos 42. Agora, o Aimoré terá uma semana de treinos pela frente antes da estreia contra o São José, no domingo, 20, às 18 horas, no Cristo Rei.

Foto por: Daniel Stein Rohr/GES-Especial
Descrição da foto: Um dos atletas mais experientes do grupo, Diguinho foi o capitão
O JOGO

O técnico Gelson Conte levou a campo uma equipe com sete modificações em relação ao time que perdeu para o Caxias, por 2 a 1, na segunda-feira. Pitol assumiu a titularidade, o lateral-direito Gian começou no lugar de Éverton e o zagueiro Diogo deu lugar a Douglão. No meio, Canhoto começou no lugar de Wagner, e Elias, recuperado de lesão, atuou no lugar de Marco Antônio. Xuxa e Vinicius também começaram no banco, dando lugar a Panambi e Brandão, autor do gol contra o Caxias.

Foto por: Daniel Stein Rohr/GES-Especial
Descrição da foto: Marcelo Pitol chegou e já vestiu a camisa 1

No primeiro tempo, o Aimoré teve dificuldades para se impor no meio de campo, e viu o São Luiz gostar do jogo, chegando com perigo na melhor oportunidade do primeiro tempo, aos 30 minutos, quando Renato desviou uma bola que iria em gol. No final do primeiro tempo, após toque de mão dentro da área, Janderson abriu o placar para os visitantes. Em seguida, o lateral-esquerdo Henrique Ávila empatou, em pênalti praticamente, derivado de um toque no braço.

No segundo tempo, o técnico Gelson Conte promoveu uma série de mudanças, e o Aimoré cresceu na partida. Com Canhoto, Diguinho e Wagner atuando juntos no meio, o Índio conseguiu manter a posse, e usou a velocidade de Diego Carioca e Elias para agredir o adversário. Carioca e Marco Antônio, que entrou no fim, tiveram as duas grandes chances para marcar o gol da vitória, mas não conseguiram converter. Resultado frustrante diante do público tímido no Cristo Rei.

“Dominamos o jogo todo”, diz Ávila

Em cinco amistosos, o Aimoré só venceu equipes amadoras (3 a 2 contra o Amigos do Feijão e 3 a 1 sobre o sub-20 do Sapucaiense), acumulando dois empates (ontem e 1 a 1 contra a equipe de transição do Grêmio) e uma derrota (2 a 1 para o Caxias). Mesmo assim, o lateral Henrique Ávila, autor do gol, vê evolução no desempenho da equipe e se mostrou otimista para estreia, em entrevista no fim do jogo. “Acredito que a gente foi bem. Começamos um pouco lentos, mas no meu ponto de vista dominamos o jogo todo, eles tiveram só o pênalti numa desatenção nossa. No segundo tempo, dominamos completamente, tivemos as chances. A gente vem numa crescente, dia a dia. Na hora do vamos ver, tenho certeza de que vamos nos sair muito bem”, disse.

Foto por: Daniel Stein Rohr/GES-Especial
Descrição da foto: Henrique Ávila (esquerda) comemorou seu gol com Diego Carioca

O Índio começou a partida com Pitol, Gian, Renato, Douglão e Henrique Ávila; Diguinho, Parrudo, Elias, Canhoto e Panambi; Brandão. No fim da partida, o Aimoré tinha Pitol, Éverton, Renato, Douglão e Rafael Franco; Gilson, Toto e Wagner; Diego Carioca, Marco Antônio e Ricardo Verza. Xuxa ainda entrou nos minutos finais.




  • Um dos atletas mais experientes do grupo, Diguinho foi o capitão
    Foto: Daniel Stein Rohr/GES-Especial
  • Marcelo Pitol chegou e já vestiu a camisa 1
    Foto: Daniel Stein Rohr/GES-Especial
  • Henrique Ávila (esquerda) comemorou seu gol com Diego Carioca
    Foto: Daniel Stein Rohr/GES-Especial

Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS