Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Gauchão 2019

Aimoré termina rodada fora da zona e classificação

Pela primeira vez Aimoré não integra os oito times que irão para a segunda fase
06/02/2019 11:32 06/02/2019 11:33

Foto por: Matheus Beck/GES Especial
Descrição da foto: Aimoré retomou os treinamentos nesta terça-feira (5)
A quinta rodada do Gauchão 2019 chegou ao fim. Pela primeira vez no estadual, o trabalho aimoresista no Estádio Cristo Rei é realizado com a equipe fora da zona de classificação. A situação, ao mesmo tempo, não é de larga gravidade. O saldo de gol é o responsável pela nova posição Índia na tabela. Uma vitória diante do Brasil de Pelotas, no domingo (10), às 18 horas no Estádio Bento Freitas, pode recolocar a equipe leopoldense entre os maiores do estado. Mas a dificuldade na sequência em solo pelotense já obriga aos torcedores a colocarem na ponta do lápis as projeções para as rodadas que virão pela frente. Das seis partidas que ainda restam, apenas duas são no Cristo Rei.

O presidente Ronaldo Vieira mantém a confiança para falar do assunto. “Nós achamos que temos todas as condições de reverter isso. Para tu teres uma ideia, se tivéssemos empatado com o Juventude teríamos sete pontos e por saldo de gols estaríamos em terceiro lugar na tabela. O que nos distancia do terceiro é um ponto que deixamos de obter em casa, mas vamos recuperar esse prejuízo fora de casa. Nós temos condições”, declarou o presidente aimoresista na tarde desta terça-feira (5), antes da realização da partida entre São Luiz e Novo Hamburgo.

Análise dos jogos

Com respaldo já garantido ao trabalho do técnico Gelson Conte, Vieira analisou as primeiras rodadas e demonstrou satisfação pelo que tem visto em campo. “A avaliação que temos um grupo bom, que vem fazendo boas partidas. Nós jogamos bem contra o São José, que foi uma partida duríssima. Bem contra o Grêmio, outra partida duríssima. Fomos a Veranópolis onde a gente sabe que não é fácil e jogamos de igual para igual. Saímos de lá com um ponto. Fomos a Santa Cruz do Sul (enfrentar o Avenida) e foi uma injustiça não termos conseguido os três pontos. Parecia que estávamos jogando em casa. Perdemos mais de uma chance”, lamentou. A derrota em casa para o Papo, para o presidente, foi o acidente de percurso maior pela crescente de rendimento que a equipe vinha apresentando. “Contra o Juventude empilhamos três oportunidades claras de gol. O time sofreu o gol em casa, houve uma perturbação e isso foi notório.” Vieira reconheceu que o Ju retornou melhor e poderia inclusive ter ampliado, mas que fora uma situação de jogo pelas circunstâncias estabelecidas.

A retomada

Durante a tarde desta terça-feira (5), o treinamento foi realizado com o grupo já com o foco no fim de semana. Depois do aquecimento, foi realizado trabalho técnico de goleias invertidas no centro do gramado. Na dinâmica, a posse de bola, conclusão e alternações táticas foram o foco. Ao fim do organizado pela comissão técnica, finalizações foram simuladas com jogadores de frente. O Aimoré não marca gols há dois jogos. A equipe conta com apenas três gols marcados nos cinco primeiros jogos. Não participaram do trabalho os jogadores Wagner, Douglão, Elias e Toto, com dores provenientes do enfrentamento contra o Juventude. O volante Gilson e o goleiro Lúcio correram ao redor do gramado e estão em processo de recuperação. Diguinho foi liberado pela direção e não compareceu ao Cristo Rei por questões pessoais. Deve retornar normalmente nesta quarta-feira (6).


Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS