Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Libertadores

Grêmio encara batalha no Paraguai

Tricolor enfrenta o Libertad, nesta terça-feira, às 19h15, e só a vitória interessa na Copa Libertadores
22/04/2019 20:57 23/04/2019 09:05

-

Foto por: Lucas Uebel/Grêmio
Descrição da foto: Tricolor, de Luan e Alisson, realizou no CT da Conmebol, em Luque, o último trabalho antes do jogo desta terça-feira
No Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai, o Grêmio travará mais uma batalha em busca da classificação às oitavas de final da Libertadores da América. Nesta terça-feira, a partir das 19h15, o Tricolor enfrenta o Libertad, líder do Grupo H, com 12 pontos, e que busca a primeira colocação geral na fase de grupos da copa continental. Porém, os comandados do técnico Renato Portaluppi também precisam vencer para seguirem vivos por uma vaga na próxima fase. Em caso de empate ou derrota fora de casa, o clube gaúcho precisa torcer para que o Universidad Católica não vença o Rosario Central, na quarta-feira, na Argentina.

Para o confronto, o Grêmio deve entrar em campo com a mesma equipe que atuou nos Gre-Nais decisivos do Gauchão. Após a campanha invicta e o título estadual, o ambiente do grupo gremista está mais tranquilo. E todo esse clima passa também pela confiança depositada por Renato ao seu elenco. "O Grêmio vai classificar, porque o Grêmio depende de si próprio. É difícil, a gente sabe que é difícil, mas eu confio no meu grupo", destacou o comandante tricolor.

DESCONTRAÍDOS

A véspera da partida, mesmo que esta seja tratada como decisão, foi de descontração para o time gaúcho. Na tarde desta segunda-feira, no último treino da equipe no CT da Conmebol, na cidade de Luque, a equipe realizou um trabalho recreativo, regado a bom humor. As únicas baixas do Tricolor para o enfrentamento diante do Libertad são os zagueiros Paulo Miranda e Marcelo Oliveira. A novidade na delegação foi o atacante Luan, que será opção no banco de reservas, até porque precisará lutar novamente por seu espaço entre os titulares de Portaluppi.

Azuis

Após dois anos do título da Copa Libertadores de 2017, o técnico Renato Gaúcho recebeu, nesta segunda-feira, o prêmio de melhor treinador da competição. Apesar da chuva, que adiou ainda mais a entrega da premiação, Portaluppi recebeu o troféu das mãos do presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

"Para você ver, eu faço chover. Fiquei bastante feliz por esta homenagem por parte do presidente da Conmebol. Gostaria muito de dividir, mas, infelizmente, não posso. Com palavras, sim, ao presidente do clube, Romildo (Bolzan Júnior), e sem dúvida nenhuma, ao meu grupo. Sem eles, não receberia este troféu", comentou Renato.

 

O JOGO

LIBERTAD

Martín Silva; Alan Benítez, Luis Cardozo, Paulo da Silva (Canale) e Cougo; Mejía, Lucena, Bareiro e Franco (Recalde); Edgar Benítez (Blás Cáceres) e Adrián Martínez. TÉCNICO: José Chamot.

GRÊMIO

Paulo Victor; Leonardo Gomes, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon e Matheus Henrique; Alisson, Jean Pyerre e Everton; André. TÉCNICO: Renato Portaluppi.

DETALHES

Local - Estádio Defensores del Chaco, em Assunção (PAR). Horário - 19h15. Arbitragem - Alexis Herrera, auxiliado por Jorge Urrego e Tulio Moreno (trio venezuelano). Transmissão - Fox Sports.

 

Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS