Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Abandono

Descaso e falta de segurança no Parque do Trabalhador indignam moradores da Vicentina

Entre as críticas, está a interdição do ginásio, que se arrasta desde 2015
09/07/2019 20:10

-

Em 2015, a Prefeitura assinou com o Estado o termo de repasse dos 80,46 hectares do Parque de Recreação do Trabalhador, no bairro Vicentina, para São Leopoldo. A administração do parque, que antes era feita pela Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), ficou a cargo do Município. Porém, o que no início gerou alegria na comunidade, hoje tem causado apreensão nos moradores, que afirmam que o local está abandonado pelo poder público.

Foto por: Diego da Rosa/GES
Descrição da foto: MELHORIA: Santos conta que há recurso para a reforma

Uma das principais reclamações dos moradores e também do Instituto Estadual Parque do Trabalhador, escola que está localizada dentro do parque, e atende do 6o ano do Ensino Fundamental ao 3o ano do Ensino Médio, é a situação do Ginásio, interditado desde 2015 em razão dos cupins no piso. "Para as aulas de educação física utilizávamos a quadra, porém, desde de sua interdição, sempre que chove precisamos buscar outra atividade ou até mesmo usar a sala de jogos durante a aula", conta a professora de educação física do instituto, Hildegard Sausen Hamister, 62 anos.

"É o único espaço de lazer da Vicentina e está meio atirado e a pouca iluminação deixa ainda mais inseguro", conta a comerciante Marta Gomes da Silva, 53 anos.

Reforma

O diretor do Parque do Trabalhador, Gilnei Pereira dos Santos, informa que no final de 2018, a área recebeu um recurso de R$ 250 mil através de emenda parlamentar para a reforma do ginásio e que, no momento, a Prefeitura está elaborando o projeto. "Nosso intuito é até o final do ano começar a obra, temos um ginásio com excelente estrutura, quatro vestiários e arquibancada, o que deverá ser feito prioritariamente é uma boa limpeza e um novo piso para a quadra, além da pintura do local." Segundo o diretor, algumas melhorias já foram iniciados, como a retirada do piso afetado pelo cupim e a manutenção dos chuveiros dos vestiários.

 

Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS