Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

PUBLICIDADE
Solidariedade

Livro contará histórias de mulheres que lutam contra o câncer

A ideia é reunir relatos importantes de médicos, terapeutas, amigos e familiares com a intenção de trazer uma visão mais ampla sobre o tema
11/09/2019 17:16 12/09/2019 07:53

-

Foto por: Alecs Dall'Olmo/GES-Especial
Descrição da foto: SOLIDARIEDADE: Igor, Ana, Neusa, Estelamáris e Melissa divulgaram a iniciativa no Jornal VS

Melissa Portal, 33 anos, teve um sonho. Sonhou que era escritora. Sonhou que estava autografando a obra. Estava sorrindo e muitas pessoas aplaudindo. O inconsciente fez com que no sonho o câncer não existisse mais. Ela contou o sonho para uma amiga, que contou para outra pessoa, para mais outra. E junto, o grupo decidiu pensar, nos caminhos da psicanálise, que sonhos são a realização de um desejo. A essência do sonho é um desejo. Eles retiraram do sonho as impressões de Melissa para criar o projeto do livro Lenços da Esperança, que contará histórias da vida de mulheres, que lutaram e venceram e de outras tantas que seguem lutando contra o câncer de mama. A ideia é reunir relatos importantes de médicos, terapeutas, amigos e familiares com a intenção de trazer uma visão mais ampla sobre o tema.

Tudo a partir do sonho da leopoldense Melissa. "Tive um sonho. Eu assinando um livro, autografando e muita gente comemorando. Todos estavam felizes. Quando acordei pensei: preciso contar para alguém que o câncer tinha voltado. Pensei que isso era só mais uma capítulo do meu livro: o câncer voltou." Melissa recebeu o diagnóstico de câncer de mama em 2017. "Fiz tratamento, fiz quimioterapia, rádio e mastectomia bilateral radical (consiste na retirada cirúrgica de toda a mama). Achei que estava resolvido. Mas no dia do aniversário do meu pai, dia 12 de julho de 2019, peguei o resultado de um novo exame. Ele tinha voltado. Voltou nos ossos e no pulmão", ressalta ela que decidiu dividir o sonho e o diagnóstico com a amiga Estelamáris Bernardes.

Rede

"Escutei e pensei em como ajudar a Melissa e também outras mulheres", conta Estelamáris, que é consultora na área de Recursos Humanos. "Não demorou e entrei em contato com ela para dizer que conhecia um escritor. A partir desse momento iniciamos uma rede para chegar ao projeto." Estão na organização do projeto e propondo uma Corrente do Bem, além de Melissa e Estelamáris, o escritor Igor Bueno, a gestora de projetos culturais Ana Carolina Rodrigues, além da jornalista Neusa Medeiros. Eles organizaram as entrevistas, produziram o material e agora estão em busca de mais apoio para publicar a obra por meio de uma campanha online para arrecadar recursos. E detalhe: o livro, com tiragem de 2 mil cópias, 96 páginas, com 14,8 x 21cm, terá a venda dos exemplares revertida para a Associação Força Rosa, organização sem fins lucrativos que atende mulheres com câncer de mama, em tratamento ou remissão. A meta é lançar a obra em outubro.

 

Os lenços

Desde que recebeu o segundo diagnóstico, Melissa retomou o tratamento para enfrentar metástase óssea e no pulmão de um tumor na mama HER2 positivo. "Estou entrando no terceiro ciclo de quimioterapia. Já voltei a mover os braços. Antes não conseguia", conta. "No Força Rosa aprendi a ganhar força. Aprendi a fazer lenços. Eles ensinaram uma técnica muito bonita e que proporciona um resultado incrível no tecido. Minha ideia é incluir o lenço junto com o livro, além de vender os lenços. Eu estava me reinventando. Agora, estou no ciclo de quimioterapia. Estou fazendo divisão de doses para reduzir os efeitos. Estou me reinventado de novo", completa ela, que é mãe da Luiza, 3 anos, e que desde os seus 14 anos faz exames de mamografias, pois sua mãe e sua vó também enfrentaram a doença.

Foto por: Alecs Dall'Olmo/GES-Especial
Descrição da foto: Lenços da Esperança

Entidades já organizam o Outubro Rosa

A ideia do grupo é trabalhar forte e contar com a corrente do bem, por meio de doações on-line, e lançar o livro durante o Outubro Rosa, movimento internacional de conscientização para controle do câncer de mama. A ação foi criada no início da década de 1990 pela Fundação Susan G. Komen for the Cure. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre a doença; proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade. O Inca, que participa do movimento desde 2010, promove eventos técnicos, debates e apresentações sobre o tema, assim como produz materiais e outros recursos educativos para disseminar informações sobre fatores protetores e detecção precoce do câncer de mama.

Em São Leopoldo já se iniciaram as articulações pela iniciativa, envolvendo equipes da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres (Sepom). Os encontros da cidade, para organização da programação, contam com a participação de integrantes da Associação Força Rosa, da Liga Feminina de Combate ao Câncer de São Leopoldo e do Hospital Centenário. Conforme a Sepom, a programação envolverá seminários, palestras, apresentações de coral para os pacientes da Oncologia Centenário, caminhada, intervenção com maquiagem, além do tradicional cabelaço, em que a Sepom recebe doações de cabelo para confecção de perucas.

Esclarecimentos e informações

Segundo Estelamáris, o objetivo é contribuir e auxiliar com o tratamento das pacientes, que sofrem com o câncer de mama, através da venda dos exemplares. "Também desejamos conscientizar a população, trazendo esclarecimentos e informações sobre a doença, tratamentos, rotina das pacientes e familiares a fim de trazer uma perspectiva diferente aos leitores." A elaboração do livro está sendo feita por Bueno e as entrevistas e coleta de informações relevantes estão sob a responsabilidade de Ana Carolina Rodrigues.

Câncer de mama é o mais comum em mulheres

Conforme dados do Ministério da Saúde, o câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células da mama. Esse processo gera células anormais que se multiplicam, formando um tumor. Além disso, há vários tipos de câncer de mama. Por esse motivo, a doença pode evoluir de diferentes formas. De acordo com informações do Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma, correspondendo a cerca de 25% dos casos novos a cada ano. No Brasil, esse percentual é de 29%. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença.

Encontros da Força Rosa são no Centro de Eventos

A Associação Força Rosa foi fundada em maio de 2014 com o objetivo de promover a qualidade de vida e a autoestima de mulheres vítimas do câncer de mama, em São Leopoldo, oferecendo orientações, apoio e encaminhamentos.

Nas ações, a equipe da associação trabalha com a prevenção, acompanhamento nutricional, fisioterapia, artesanato terapêutico, biodança, terapia holística, psicoterapia em grupo, atividade física direcionada, arteterapia, musicoterapia e reiki. Os encontros acontecem sempre às segundas, das 14 às 17 horas, no Espaço Força Rosa, no Centro de Eventos (Avenida São Borja, 1860, em São Leopoldo. Foi no Força Rosa que Melissa aprendeu a técnica de pintura em tecido com sal para produzir os lenços.

Para contribuir

Para contribuir com o projeto do livro Lenços da Esperança foi criada uma vaquinha on-line (http://bit.ly/LençosBem). O objetivo é a arrecadar fundos para viabilizar a impressão do livro, que deverá ser lançado em outubro. A partir de R$ 25,00 já é possível fazer parte desta Corrente do Bem. Quem desejar ser patrocinador e ter a sua marca divulgada neste livro, basta entrar em contato com Estelamáris, através do e-mail estela@santaajudaconsultoria.com, que fornecerá todas as informações. "Apoie esta causa e seja solidário. Com a sua contribuição, você estará ajudando mais de 50 mulheres em tratamento, que contam com a força de uma mão amiga", destaca Neusa.

Jornal VS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS