VOLTAR
FECHAR

Av. João Corrêa, 1017 - Centro - São Leopoldo/RS - CEP: 93010-363
Fones: (51) 3591.2000 - Fax: (51) 3591.2032

XYZ

Dica para as férias da gurizada: Hotel Transilvânia 3

Filme do diretor de Laboratório de Dexter é divertido e traz humor também para os adultos.

Divulgação
Série que começou em Hotel Transilvânia (2012) está de volta, com turma de monstros saindo em viagem de férias
A época das férias de julho costuma concentrar lançamentos de filmes para levar a criançada, e este ano não foi diferente. Uma coisa curiosa é que as duas maiores produções infantis em cartaz, Os Incríveis 2 e Hotel Transilvânia 3, são, paradoxalmente, histórias que trazem personagens adultos às voltas com problemas de gente grande. Claro que ambas são suficientemente coloridas, divertidas e bem narradas para capturar a atenção de qualquer idade. São opção segura e legal para levar a gurizada.

Hotel Transilvânia 3 volta a trazer a família do Conde Drácula, desta vez em um cruzeiro de férias e longe do hotel para monstros que era cenário dos dois primeiros filmes. Só que a excursão marítima, igualmente para criaturas fantásticas, também esconde alguns segredos. Um deles está ligado ao arqui-inimigo de Drac, o professor Van Helsing.
Este ponto de partida da trama aparece logo nos primeiros cinco minutos. O resto são as confusões da família disfuncional de Drac e de seus amigos, o Lobisomem, Frankenstein, o Homem Invisível e Múmia. Enquanto tenta curtir o netinho, o viúvo Drac acaba se interessando romanticamente pela misteriosa capitã do barco, o que produz ciumeira da filha vampira dele e mobiliza todo seu grupo de amigos em uma operação cupido.

Como frequentemente acontece nas sequências de animações famosas, Hotel Transilvânia 3 é um pouco sobrecarregado pelo excesso de personagens, já que soma todo mundo dos dois primeiros filmes e ainda introduz mais uma galera. Mas não é nada que atrapalhe muito. O grande lance é a diversão família, embora muitas piadas acabem só sendo compreendidas pelos pais.

Há um detalhe técnico. A série Hotel Transilvânia tem direção do genial animador russo/norte-americano Genndy Tartakovsky, famoso pelo Laboratório de Dexter e Samurai Jack. Seu estilo altamente caricato funciona melhor em 2D, embora até ficasse legal nos dois primeiros filmes. Nesta parte 3, porém, a renderização muito superior, mais realista, fica um pouco fora do tom. Mas as crianças não notam. E elas são o que importa, né?

Animação Submarino Amarelo completou 50 anos

Icônico desenho animado foi lançado em julho de 1968 no Reino Unido.

Divulgação
No Reino Unido, aniversário de 50 anos de Yellow Submarine foi comemorado com um relançamento nos cinemas.
Um dos mais cultuados desenhos animados está fazendo 50 anos. O Submarino Amarelo (Yellow Submarine), animação psicodélica em que os personagens principais eram os Beatles, foi lançado no Reino Unido em julho de 1968. No Brasil, só chegaria no final daquele ano.

A animação tinha direção do canadense George Dunning, ex-aluno do lendário animador Norman McLaren. Submarino Amarelo, além das músicas da banda, se caracterizava pelo traço bem característico, com desenhos coloridos com linha bem nítida. O filme também trabalhava com o branco, até como função narrativa.

Na história, os Beatles se uniam ao capitão de um submarino para resgatar a terra de Pepperland de uma invasão de criaturas que não gostavam de música.

O filme foi lançado antes do álbum homônimo, que sucedeu ao famoso álbum branco.


Médico diz que Michael Jackson foi submetido a castração química pelo pai

Acusação foi feita por Conrad Murray, médico pessoal do cantor.

AFP
Foto de arquivo em 2005 mostrando Michael Jackson ao lado do pai, Joe Jackson, que mesmo postumamente voltou a ser acusado de abusos, desta vez pelo médico Conrad Murray
O cantor Michael Jackson teria sido castrado quimicamente pelo pai, Joe Jackson, para permanecer com a voz mais aguda. A acusação foi feita pelo médico pessoal do músico, Conrad Murray, e publicada esta semana pela revista People norte-americana. A castração química, procedimento polêmico e considerado por muitos uma atrocidade, consiste na aplicação de medicamentos para suprimir hormônios sexuais. Em alguns países e épocas chegou a ser adotado como procedimento penal.  

Em uma entrevista em vídeo também veiculada esta semana, Murray acusou Joe Jackson de ter sido um pai terrível para os filhos. Joe Jackson, que morreu em junho, já havia sofrido acusação semelhante da própria família e de outros integrantes do show business.


Marvel ou DC? Faça o teste para ver se você entende de super-heróis

Você conhece super-heróis? Pra valer? Faça o teste da DC e Marvel para tirar a teima.


Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS