Publicidade
Acompanhe:
premium

Sétima das Artes

Ulisses Costa é formado em Publicidade, estuda História e é metido a cineasta. Diretor por vocação, produtor por necessidade e roteirista por obrigação, finalizou o seu primeiro curta-metragem, "O Gritador", este ano. Dá oficinas de cinema para alunos do Ensino Médio e faz parte da Grande Angular Produções, um desses agrupamentos de gente sem noção que ama a Sétima das Artes e não consegue pensar em outra coisa. Gosta de se apresentar com uma lista de filmes preferidos. Aí vão alguns: o filme de todos os tempos é Ben-Hur ( de Willian Wyler, EUA, 1959); o de aventura é King Kong (de Merian C. Cooper e Ernest Shoedsack, EUA, 1933); o de ação é Fervura Máxima (de John Woo, Hong Kong, 1992); o de drama é Ran (de Akira Kurosawa, Japão, 1985); o de terror é Nosferatu (de F. W. Murnau, Alemanha, 1921) e o de comédia é Monty Python em busca do Cálice Sagrado (de Terry Gillian e Terry Jones, Inglaterra, 1975). Quando quer levantar o astral, Ulisses vê O Fabuloso Destino de Amélie Poulin (de Jean Pierre Jeunet, França, 2001). Já quando quer baixar o astral escolhe A Missão (de Roland Joffé, Inglaterra, 1986). Quando quer se sentir inteligente vai de Adaptação (de Spike Jonze, EUA, 2002) e quando quer desistir, por saber que jamais chegará a tanto, se "tortura" com Laranja Mecânica (de Stanley Kubrick, Inglaterra, 1971). Para se reanimar e querer fazer cinema de novo, no entanto, tem um remédio infalível: Os Intocáveis (de Brian de Palma, Estados Unidos, 1987). Neste blog, com a visão de Ulisses, o caro leitor poderá acompanhar o que acontece no mercado de cinema mundial - de Hollywood a Bollywood - sem (muitos) preconceitos, além de tudo mais que pode ser captado com uma câmera. Então vai, claquete!

Blog Sétima das Artes

Crítica: Era Uma Vez em... Hollywood

Nova empreitada de Tarantino celebra o próprio cinema
Leia o texto na íntegra|16.08.2019
Crítica

Crítica: Batman vs. Superman

Apesar do esforço e de alguns acertos, épico de super-heróis não convence.
Leia o texto na íntegra|24.03.2016
A Bruxa

Crítica: A Bruxa

Horror independente americano produzido por brasileiro é pura angústia
Leia o texto na íntegra|03.03.2016
Star Wars

Star Wars: O Despertar da Força

Uma crítica sem spoilers para acalmar seus ânimos.
Leia o texto na íntegra|17.12.2015