Publicidade
Esportes | Grêmio Fim do ciclo

Presidente Romildo fala sobre a saída de Renato do comando do Tricolor

Treinador do time de transição, Tiago Gomes, assume provisoriamente o comando da equipe

Publicado em: 15.04.2021 às 16:40 Última atualização: 15.04.2021 às 17:00

Presidente Romildo agradeceu ao técnico Renato Portaluppi pelo período em que esteve à frente da equipe Foto: Lucas Uebel/Grêmio
O Grêmio confirmou oficialmente a saída do técnico Renato Portaluppi. Em nota publicada no site do clube, o Tricolor informou "o desligamento de Renato Portaluppi, em comum acordo com a direção" do clube. A publicação agradece a dedicação do agora ex-treinador e lembra que "o herói do Mundial de 1983 tornou-se o primeiro brasileiro a ser campeão da Libertadores como jogador e treinador, devolveu o Clube ao caminho das glórias e reconquistou a hegemonia estadual".

Leia todo o conteúdo EXCLUSIVO ASSINANTES

Além da nota, o clube publicou um vídeo com declarações do presidente Romildo Bolzan sobre a saída de Renato Portaluppi. Além de elogiar Renato Portaluppi, o dirigente afirmou que "junto com Renato saem os dois auxiliares, o Alexandre Mendes e o Victor Hugo Signorelli". "E para este momento, pelo menos para os próximos dois jogos, o time terá o comando técnico do treinador da transição, Tiago Gomes. E a partir da semana que vem o Grêmio, que já está examinando situações de uma nova comissão técnica, poderá fazer o anúncio", afirmou Romildo.

Confira a nota publicada pelo clube e o vídeo com as declarações de Romildo Bolzan.

"O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense comunica o desligamento de Renato Portaluppi, em comum acordo com a direção, do comando técnico do Clube. O Grêmio agradece o profissional pela sua dedicação, sua passagem vitoriosa com conquistas importantes, lealdade à instituição e por ter sido o técnico mais longevo no comando da casamata gremista. Ao lado do Grêmio, o ídolo Renato Portaluppi alcançou um patamar raro entre técnicos brasileiros. O herói do Mundial de 1983 tornou-se o primeiro brasileiro a ser campeão da Libertadores como jogador e treinador, devolveu o Clube ao caminho das glórias e reconquistou a hegemonia estadual. Também deixam a Comissão Técnica, os auxiliares Alexandre Mendes e Victor Hugo Signorelli.

Depois de quatro anos e sete meses, Renato deixa o Grêmio com os títulos da Copa do Brasil em 2016, Libertadores da América em 2017, Recopa Sul-Americana em 2018 e os títulos do Campeonato Gaúcho em 2018, 19 e 20 e da Recopa Gaúcha em 2019.

O Grêmio deseja êxito na continuidade da carreira de Renato Portaluppi e mantém suas portas sempre abertas ao profissional.

O treinador da transição, Tiago Gomes, assume provisoriamente o comando da equipe."

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.