Publicidade
Botão de Assistente virtual
Esportes | Grêmio TRICOLOR

Grêmio afasta sete jogadores e Jean Pyerre não está mais nos planos

Risco de rebaixamento para a Série B, após a derrota para o Bahia, é de 96%

Por Jauri Belmonte
Publicado em: 29.11.2021 às 16:58 Última atualização: 29.11.2021 às 21:12

Em meio à iminência de mais um rebaixamento à Série B, o vice-presidente do Grêmio, Dênis Abrahão, comunicou nesta segunda-feira (29), em coletiva, o afastamento de sete jogadores para a reta final do Brasileirão. São eles: Léo Pereira, Léo Gomes, Luiz Fernando, Everton, Guilherme Guedes, Jean Pyerre e Paulo Miranda. "Ficaremos com 25 atletas no plantel a pedido do treinador para sairmos dessa zona infernal."

O grupo foi avisado ainda no CT Luiz Carvalho no fim desta manhã e ganhou férias antecipadas, confirmou o dirigente. O caso que mais chamou atenção foi o de Jean Pyerre, que chegou a entrar em campo na derrota por 3 a 1 frente ao Bahia. Dênis confirmou uma proposta do Deportivo Alavés (Espanha) pelo atleta. Dos jogadores citados, Léo Pereira e Luiz Fernando têm contrato até o final do ano e não continuarão no elenco visando a próxima temporada. Everton e Paulo Miranda, conforme disse o vice-presidente de futebol, também não fazem parte dos planos da equipe, independente do rebaixamento ser confirmado, ou não.

Jean Pyerre durante a partida em Goiás
Jean Pyerre durante a partida em Goiás Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O time entra em campo na quinta-feira (2), contra o São Paulo, na Arena e é obrigado a vencer para ainda ter chances de fugir do descenso. No restante do campeonato, a equipe enfrenta Corinthians (fora) e Atlético-MG (em casa). O Grêmio é o 18º colocado, com 36 pontos; o risco de rebaixamento é de 96% segundo o site Infobola, do matemático Tristão Garcia.

Fora dos planos

Três deles não devem sequer ser aproveitados pelo clube para o ano que vem, independentemente do que aconteça. Entre eles o meia Jean Pyerre. “O Jean terá de mudar substancialmente, pois oportunidades não faltaram. Mas ele não está nos planos para o ano que vem. Questões externas não tenho nada a declarar. Quando estão de folga, fazem o que querem. Ele é bom profissional, mas ele tem que gostar mais dele. É um menino querido, mas não está dando retorno.”

Além dele, Everton e Paulo Miranda também não devem ficar no Tricolor. Abrahão frisa que a equipe poderia estar em situação melhor com o grupo de jogadores que tem. “Só quero que a camisa seja honrada com raça. Só isso. Os atletas precisam entender o que é o Grêmio e o que o clube precisa. Temos atletas em nível de seleção aqui."

Vida de escolhas

“O Jean Pyerre já foi afastado de três viagens e não melhorou. Todos somos culpados pela situação que o Grêmio vive. Não estou personalizando a situação em nenhum atleta. São 10 dias decisivos, precisamos trabalhar com menos gente e pessoas concentradas”.

Veja a classificação atualizada do Brasileirão

Reclamação contra arbitragem

O vice de futebol também reclamou de circunstâncias em que ele acredita que o Tricolor foi prejudicado pela arbitragem. “No jogo contra o Atlético-GO, por exemplo, não posso reclamar. Mas depois, começaram a tirar pontos nossos aqui e ali. No Gre-Nal, por exemplo, foi um escândalo."

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.