Publicidade
Esportes | Inter Colorado

Inter encerra jejum e vence o Juventude no Beira-Rio pelo Brasileirão

Vitória por 1 a 0 é a primeira na competição após cinco rodadas. Equipe não vencia em casa há oito jogos

Por André Heck
Publicado em: 18.07.2021 às 19:46 Última atualização: 18.07.2021 às 22:33

Thiago Galhardo comemora gol sobre o Juventude no Beira-Rio Foto: Ricardo Duarte/Inter
O Inter não vencia há cinco rodadas no Brasileirão e estava há oito jogos sem vitória no Beira-Rio. As sequências negativas foram encerradas na noite deste domingo (18), diante do Juventude. Atuando em casa, a equipe do técnico Diego Aguirre fez boa partida e venceu por 1 a 0. O placar poderia até ter sido maior se o goleiro Marcelo Carné não tivesse feito defesas importantes.

O Colorado volta a campo às 21h30 de quinta-feira (22), quando recebe o Olimpia, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores. No Paraguai, as equipes empataram por 0 a 0. Pelo Brasileirão, o próximo desafio do Inter será no domingo, às 18h15, contra o Athletico-PR, fora de casa.

A primeira boa chegada ao ataque do jogo foi do Inter. Galhardo acionou Taison, que bateu cruzado, com perigo, aos 5 minutos. Mais uma vez o time colorado chegou com Taison, que pegou mal na bola, aos 17min, após receber de Paulo Victor. Pressão do Inter. Novamente Taison chegou bem na área, mas Marcelo Carné fez a defesa aos 19min. O Juventude marcou com Rafael Forster, após cobrança de escanteio de Wescley, mas o VAR apontou toque no braço do jogador e o gol foi anulado. Caio Vidal furou em bola e perdeu grande chance aos 49min.

O gol que não saiu no primeiro tempo, veio logo aos 5 minutos da etapa final. Heitor cruzou da direita e Thiago Galhardo subiu para marcar de cabeça: 1 a 0. Edenilson fez grande jogada, aos 10min, e tocou para Galhardo, que acionou Taison, mas a conclusão de cabeça do camisa 10 saiu fraca e o goleiro Carné ficou com a bola. Boa troca de passes de Galhardo para Edenilson, que chutou e Carné fez grande defesa aos 24min. O Ju respondeu logo depois em chute de Marcos Vinicios. Castilho, do Juventude, foi expulso aos 33 após acertar uma cotovelada em Palacios. O Inter ainda tentou o segundo gol, mas o placar ficou mesmo no 1 a 0.

Inter

Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Cuesta e Paulo Victor (Moisés); Lindoso, Edenilson (Johnny), Taison (Yuri Alberto) e Patrick (Maurício); Caio Vidal (Palacios) e Thiago Galhardo. Técnico: Diego Aguirre.

Juventude

Marcelo Carné; Michel Macedo, Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Elton (Marcos Vinicios), Castilho, Matheus Jesus (Jadson) e Wescley (Chico); Paulinho Boia (Fernando Pacheco) e Matheus Peixoto (Capixaba). Técnico: Marquinhos Santos.

DETALHES

Local: Beira-Rio, em Porto Alegre. Árbitro: Rodolpho Marques, auxiliado por Ivan Bohn e Sidmar Meurer.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.