Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Canoas Fim do drama

Colombiano que havia sido sequestrado, em Porto Alegre, é libertado na Capital

Polícia Civil promove caçada aos sequestradores envolvidos. Um homem foi preso em Viamão, na noite desta quinta-feira (20), ao sair de uma pizzaria. Vítima foi torturada durante as horas em que permaneceu em cativeiro, segundo o delegado João Paulo de Abreu

Publicado em: 21.01.2022 às 15:45 Última atualização: 21.01.2022 às 15:46

Local onde era mantido o colombiano foi achado pela polícia nesta sexta-feira (21)
Local onde era mantido o colombiano foi achado pela polícia nesta sexta-feira (21) Foto: POLÍCIA CIVIL/DIVULGAÇÃO
A Polícia Civil acaba de divulgar o fim do sequestro de um colombiano mantido em cativeiro em Porto Alegre. Ele foi libertado na noite desta quinta-feira (20), no Centro da Capital, após o pagamento do resgate. O cativeiro onde era mantido o cidadão estrangeiro foi encontrado na manhã madrugada desta sexta-feira (21).

De acordo com informações do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), o crime começou no início da tarde desta quinta. Após sequestrar a vítima - um trabalhador autônomo que atuava na área central de Porto Alegre -, os criminosos passaram a extorquir um familiar, exigindo uma quantia significativa de dinheiro como resgate. O valor não chegou a ser revelado pela polícia.

Segundo o delegado João Paulo de Abreu, que coordena a investigação, ocorreu a negociação do preço de resgate em paralelo ao trabalho de buscas da polícia ao local do cativeiro. Ele conta que, durante as negociações, houve o pagamento de valores através de transações bancárias via Pix para contas apontadas pelos criminosos. A vítima acabou libertada logo após o pagamento do resgate. Foi encaminhada para o Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre (HPS), onde recebeu atendimento.

Em simultâneo, a Polícia Civil conseguiu prender um homem envolvido no crime. O suspeito acabou sendo flagrado com parte do preço de resgate, por volta das 20 horas desta quinta-feira, quando chegou a uma pizzaria, em Viamão. Ele tinha sacado o dinheiro do banco momentos antes de ser preso. Acabou reconhecido pela vítima como sendo um dos autores do crime.

Após garantir a prisão, ainda na madrugada desta sexta-feira, a polícia confirmou que a vítima foi mantida em cativeiro em uma sala abandonada, situada na Avenida Voluntários da Pátria, no Centro de Porto Alegre, que serve, no térreo, para instalação de várias lojas de comércio popular.

Caçada policial

O delegado João Paulo de Abreu salienta que a caçada policial continua atrás de outros sete sequestradores que participaram do crime. "Estamos atrás deles", afirma. Ele diz que chamou a atenção a violência física empregada pelos criminosos contra o homem sequestrado. Durante as negociações do preço de resgate, vídeos foram enviados pelos criminosos, nos quais a vítima era espancada com pedaços de madeira e atingida com instrumentos cortantes. "Ele tem vários ferimentos, como cortes, além de diversos hematomas pelo corpo. Até um tímpano foi perfurado", explica. 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.