Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Especial Coronavírus CONTRA A COVID-19

São Leopoldo começa a vacinar crianças de 10 e 11 anos, sem comorbidades, nesta segunda

Veja como fica a vacinação contra a Covid-19 na região

Por Isabella Belli
Publicado em: 24.01.2022 às 03:00 Última atualização: 24.01.2022 às 10:46

Nesta segunda-feira (24), São Leopoldo passa a vacinar crianças sem comorbidades, de 10 e 11 anos. A imunização nos pequenos de cinco a 11 anos, com comorbidade também segue normalmente. Os pais ou responsáveis devem se dirigir à Escola Municipal Gusmão Britto, na Avenida João Corrêa, 286, que atenderá das 9h30 ao meio-dia e das 14h às 16h30. 

Lembrando que, após receber a aplicação, as crianças devem ficar em observação por 20 minutos.

Desde o dia 19, quando iniciou a vacinação deste grupo na cidade, mais de 200 doses infantis já foram aplicadas e nenhuma reação foi registrada por decorrência da vacina.

Confira como será a vacinação nesta segunda-feira

ADOLESCENTES E ADULTOS

Quando: 24 de janeiro

Público

1ª Dose: maiores de 12 anos, com ou sem comorbidades

3ª Dose: maiores de 18 anos e profissionais da saúde (intervalo de 4 a 5 meses), imunossuprimidos (intervalo de 28 dias)

4ª Dose: imunossuprimidos (4 meses de intervalo)

Dose de Reforço Janssen: intervalo mínimo de 2 meses e máximo de 6 meses

Documentos 1ª Dose: CPF, Cartão SUS, documento com foto / 2ª Dose: cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência / 3ª Dose: mesmos da 2ª laudo médico

SÃO LEOPOLDO

Horário: das 9h às 11h30 e das 13h30 às 16h

Local: Ginásio Municipal e Centro de Eventos

Doses aplicadas: todas

2ª dose/Reforço:

AstraZeneca - 1ª dose até 30 de outubro

Pfizer - 1ª dose até 27 de outubro

CoronaVac - intervalo de 21 dias

Janssen - 1ª dose até 26 de agosto

3ª dose: 1ª dose até 24 de setembro

4ª dose Imunossuprimidos: 4 meses de intervalo

Unidade Móvel de Vacinação

Local: R. Andrade Neves, s/n°, Otacília (em frente à Igreja Católica)

Horário: das 8h30 às 11h

Local: R. Ermelindo Warnieri, Ocupação Justo (Associação de Moradores)

Horário: das 13h30 às 16h

SAPUCAIA DO SUL

Locais: UBS Nova Sapucaia; ESF Bela Vista; ESF Oswaldo Cruz; ESF Capão da Cruz; Alcina; Terra Nova; João de Barro; ESF Primor; ESF Silva; ESF Vargas, São José, Fortuna, Natal; Freitas e COHAB Casas

Doses aplicadas: todas

Agendamento: www.minhaagendavirtual.com.br/sapucaiadosul

2ª dose/Reforço:

AstraZeneca - 1ª dose até 4 de dezembro

Pfizer - 1ª dose até 4 de dezembro

CoronaVac - 1ª dose até 3 de janeiro

Janssen - 2 meses de intervalo

ESTEIO

Horário: das 12h30 às 20h.

Local: Secretaria de Saúde

Doses aplicadas: todas

Agendamento para 1ª, 3ª dose e reforço da Janssen: www.esteio.rs.gov.br/vacina

PORTÃO

Horário: das 8h às 17h

Local: Lothar Kern

Doses aplicadas: CoronaVac e AstraZeneca. Doses da Pfizer estão esgotadas.

Dose de reforço Janssen

Horário: das 8h às 17h

Local: Lothar Kern.

CAPELA DE SANTANA

Horário: das 13h às 16h

Local: Centro de Eventos

Doses aplicadas: todas

CRIANÇAS

São Leopoldo

Local: EMEF Maria Gusmão Britto (Avenida João Corrêa, Morro do Espelho)

Horário: das 9h30 às 12h e das 14h às 16h30

Público: crianças de cinco a 11 anos com comorbidades ou deficiência e crianças de 10 e 11 anos, sem comorbidades

Sapucaia do Sul

Local: UBS Centro

Horário: agendamento pelo www.minhaagendavirtual.com.br/sapucaiadosul

Público: crianças de cinco a 11 anos, com comorbidades e crianças com 11 anos, sem comorbidades

Esteio

Local: UBSs Nickollas Gomes, Dr. Paulo Justiniano Lucena Borges, Cruzeiro, Vereador Paulo dos Santos Nunes, Dr. Pedro Ernesto L. de Menezes e José Mario de Carvalho

Público: crianças de cinco a 11 anos com comorbidades e com 11 anos, sem comorbidades

Horário: agendamento pelo site www.esteio.rs.gov.br/vacina

Portão

Local: nas UBSs

Horário: por agendamento

Capela de Santana

Não informou.

Centro de Testagem registra grande procura em dois dias

O Centro de Testagens Municipal (CTM) permaneceu aberto neste final de semana com o objetivo de atender a grande demanda que vem surgindo com o aumento dos casos de Covid-19, em São Leopoldo.

Olmar Prestes, 61, foi ao CTM por estar com sintomas
Olmar Prestes, 61, foi ao CTM por estar com sintomas Foto: Romeu Finato/Divulgação

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsad), o local registrou grande procura. No sábado (22), 116 pessoas foram até a antiga sede da Unisinos, onde está montado o CTM, para realizar os testes e até as 11 horas deste domingo (23), foram 41.

Podem procurar o Centro de Testagens pessoas com algum sintoma gripal, febre ou que estejam com dificuldade de respirar.

Lá, a população tem à disposição atendimento médico, clínico e avaliação de sintomas para testagem, conforme os protocolos.

Conforme a Semsad, normalmente o resultado do teste é divulgado em quatro dias úteis, mas por conta da elevada procura por exames, o Laboratório Central do Estado (Lacen), que fica em Porto Alegre e é responsável por verificar a testagem, tem liberado o resultado em 10 dias.

Na última sexta-feira (21), a cidade registrou 322 novos casos de coronavírus, de acordo com a Vigilância em Saúde, o que vem refletindo no número de internações no Hospital Centenário. Na enfermaria Covid, até a tarde de ontem, todos os 14 leitos estavam ocupados. Já a UTI Covid estava com 25% da ocupação, ou seja, dos 22 leitos, seis estavam sendo usados.

A boa notícia é que, apesar do aumento dos positivados, o Município segue sem registrar óbitos pela doença.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.