Publicidade
Notícias | Região Região

Grafite dá cara nova a espaço comunitário no bairro Vargas, em Sapucaia do Sul

Trabalho de Luciano dos Santos, o Crânio, revitaliza a Estação Cidadania-Cultura, a antiga Praça do CEU

Por Renata Strapazzon
Publicado em: 16.06.2021 às 03:00 Última atualização: 16.06.2021 às 08:14

Grafite na praça do CEU em Sapucaia Foto: Diego da Rosa/GES
Um espaço de identificação da comunidade do bairro Vargas, em Sapucaia do Sul, a Estação Cidadania-Cultura, a antiga Praça do CEU, está ganhando novas cores pelas mãos do grafiteiro Luciano Cardoso dos Santos, o Crânio. Há duas semanas, ele trabalha no local, na Avenida Valdemimo Rodrigues Machado, colorindo e levando novas formas aos cerca de 114 metros de parede, antes pintadas de branco e que frequentemente eram alvo de pichações.

Em grandes painéis, estão sendo feitos desenhos que remetem à cultura. "O pessoal da secretaria me deu o tema e fui fazendo os grafites pensando em algo que tivesse identificação com a comunidade", diz. Por dia, Crânio trabalha de 10 a 12 horas na criação e execução dos desenhos. A entrega da obra de revitalização estava prevista para domingo passado, mas por causa da chuva a cerimônia precisou ser adiada.

Entrega

O evento de entrega da grafitagem está marcado para ocorrer a partir das 9h30 de domingo, dia 20, com a presença de autoridades municipais, artistas e a comunidade local. Na data, moradores poderão participar efetivamente do projeto, já que uma parte dos painéis ficará reservada para que os interessados possam praticar o grafite a partir de dicas e sob a supervisão de Crânio.

Segundo o secretário de Cultura e Turismo de Sapucaia do Sul, Marcelo Veríssimo, o trabalho, orçado em cerca de R$ 14,8 mil, está sendo feito com recursos da estação e do governo federal, e faz parte de uma série de melhorias previstas para o espaço. Conforme ele, há ainda o projeto de cercamento do local.

"Estamos fazendo os orçamentos. É algo necessário para garantir a segurança deste espaço e evitar atos futuros de vandalismo", diz. De acordo com Veríssimo, a ideia é fazer com que a comunidade usufrua cada vez mais de um espaço que é dela, agora revitalizado. "Nossa meta é trazer as crianças e a comunidade aqui para dentro, onde é realizado um trabalho social muito importante", conta. "Além disso, buscamos valorizar o excelente trabalho do Crânio que trouxe mais identificação da estação com a comunidade onde ela está inserida", pontua o secretário.

Trabalho reconhecido na cidade

Escolhido para imprimir sua arte nas paredes da Estação Cidadania-Cultura, Crânio é reconhecido como um dos maiores artistas de sua categoria em Sapucaia do Sul. Ele, que trabalha com grafitagem desde 1999, é o responsável pelo desenho em homenagem aos profissionais da saúde, pintado no Skate Park da cidade. O trabalho, feito em março deste ano, chama a atenção de quem passa pela Avenida Leônidas de Souza, no bairro Santa Catarina. Para o local, Crânio diz ter novos projetos. Em breve, ele pretende utilizar a outra parede, ao lado do painel já pronto, e que tem os mesmos 21 m².

Cadastro de oficineiros

Na Estação Cidadania-Cultura deverão ser oferecidos cursos gratuitos para os moradores da Vargas. As atividades estão suspensas por conta da pandemia de coronavírus. No entanto, já está sendo feito o cadastro de interessados em colaborarem como oficineiros nos projetos. Deverão ser ofertadas aulas de música, zumba, capoeira, desenho, fotografia, entre outras. Contatos: 3450-4180 e 99370-8683.

Na estação, a comunidade tem à disposição quadra poliesportiva, telecentro, auditório e uma biblioteca com cerca de dois mil títulos. No endereço funciona o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) Nordeste.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.