Publicidade
Notícias | Região Região

Impactos ambientais da RS-010 em debate

Primeiro seminário para ampliar discussão sobre a construção da rodovia foi promovido pelo Comitesinos

Por Joceline Silveira
Publicado em: 30.06.2021 às 06:07

O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Comitesinos) promoveu nesta terça-feira (29) o primeiro seminário ampliado para debater e analisar os impactos ambientais da construção da RS-010, a Rodovia do Progresso, que ligará a free way à RS-239.

Cerca de 50 pessoas participaram do encontro organizado pelo Comitesinos Foto: Reprodução

Representantes da Serviços Técnicos de Engenharia (STE), empresa licitada pelo Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer/RS) para realizar o estudo de viabilidade, responderam a questionamentos, contestações e contribuições apresentadas por representantes de entidades envolvidas pelo tema e do público convidado ao Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA).

"Atendendo ao princípio de desenvolvimentismo sustentável e da relevância que a rodovia representa para toda região, para que possamos desafogar a BR-116, acredito que o encontro foi extramente proveitoso. Pois foram repassadas demandas às propostas de traçada da RS-010 que foram aceitas pela empresa. Acredito que a STE possui condições de absorver as demandas repassadas", observou o presidente do Comitesinos e secretário do Meio Ambiente de São Leopoldo, Anderson Etter.

Conforme Etter, o encontro foi um desdobramento da última plenária realizada no início deste mês e será a base para a formulação de um documento com contribuições detalhadas sobre os atributos ambientais a serem preservados no percurso.

A área de análise do Comitesinos, nos 42 quilômetros de extensão da rodovia, é a que atinge os municípios que integram a bacia hidrográfica do Sinos. "Vamos trabalhar em uma resolução reduzida, que passará pela análise da Comissão Permanente de Assessoramento e posteriormente será colocada para apreciação da plenária do Comitesinos em agosto, a título de recomendação será apresentada ao Daer e a STE", detalha.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.