Publicidade
Notícias | Região Tradição e religiosidade

Celebração homenageia os 193 anos da imigração alemã em Lindolfo Collor

Com ato ecumênico, bandinha e cuca, a cidade celebrou as tradições germânicas

Por Joceline Silveira
Publicado em: 24.07.2021 às 17:41 Última atualização: 24.07.2021 às 18:14

O Dia da Imigração Alemã no Rio Grande do Sul foi celebrado neste sábado (24) em Lindolfo Collor com uma solenidade na Igreja Evangélica de Confissão Luterana de Picada 48 Baixa. O templo é o mais antigo em funcionamento no Brasil. A igreja, tal como é hoje, foi construída pelas famílias de imigrantes alemães que chegaram à localidade em 1827.

“Foi inaugurada em 28 de outubro de 1850 e está com a maioria das peças em original, confeccionadas naquela época e construídas com muita dificuldade”, explica o professor de história e membro do Departamento de Turismo, Márcio Presser .

Imigração religiosidade e tradição em Lindolfo Collor Foto: Joceline Silveira

Após a celebração, uma bandinha guiou os visitantes até a Sociedade Atiradores, onde os pratos típicos da culinária alemã também tiveram destaque. Os visitantes puderam saborear a combinação germânica mais famosa: cuca, linguiça, tudo acompanhado de uma caneca de spritzbier – refrigerante artesanal, oferecidos pelo comércio local. 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.