Publicidade
Notícias | Região Segurança

Construção de núcleo de triagem de presos deve ter início nos próximos dias

Medida tem como objetivo qualificar o sistema e acabar com a custódia de presos em viaturas

Publicado em: 26.07.2021 às 03:00 Última atualização: 26.07.2021 às 08:36

Na última semana a Rua João Alberto no trecho em frente à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), de São Leopoldo, teve o trânsito bloqueado, pois o local novamente estava com superlotação nas celas. Com isso, presos estavam sendo mantidos custodiados em viaturas estacionadas nas calçadas. Mas é possível que essas cenas não ocorram no futuro. O Estado confirmou que as obras da estrutura do Núcleo de Gestão Estratégica do Sistema Prisional (Nugesp) começam nos próximos dias.

Para evitar superlotação nas celas como em São Leopoldo Foto: Especial

Foi assinado no final da última semana o termo de cooperação com os demais Poderes e instituições para a criação, estruturação e funcionamento do Núcleo. Conforme a comunicação do governo do Estado, com espaço para 708 pessoas detidas na região metropolitana e que aguardam vaga em estabelecimentos prisionais, o Nugesp será um grande centro de triagem, contemplando, num mesmo local, todos os procedimentos básicos, como identificação, documentação, registro policial, classificação, triagem e audiência de custódia, até o encaminhamento final compatível ao perfil do preso.

Durante esse período, o preso terá garantidas condições dignas, como pernoite, alimentação e higiene, além de pátio e possibilidade de ficar custodiado em espaço separado, caso haja circunstâncias individuais. Para que tudo isso aconteça, atuarão juntos com o Executivo o Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RS), Conselho Nacional de Justiça, Ministério da Justiça e Segurança Pública, Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e a Prefeitura de Porto Alegre. O Núcleo será construído em área no terreno anexo ao Instituto Psiquiátrico Forense na capital.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.