Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região REGIÃO DE NOVO HAMBURGO

Comitê Técnico contra Covid orienta municípios a suspenderem atividades públicas

Decisão não tem caráter determinativo e, portanto, prefeituras têm decisão final

Publicado em: 20.01.2022 às 20:47 Última atualização: 20.01.2022 às 20:48

Reunido na tarde desta quinta-feira (20), o Comitê Técnico contra Covid-19 da região de Novo Hamburgo decidiu orientar as prefeituras a suspenderem as atividades públicas com potencial de causarem aglomerações. Como a medida não tem caráter determinativo, cada município poderá acatar ou não o que orientam os técnicos. Na avaliação do comitê, como há municípios em diferentes estágios de contaminação, não seria necessário, ainda, emitir uma determinação.

Comitê Técnico contra Covid orienta municípios a suspenderem atividades públicas
Comitê Técnico contra Covid orienta municípios a suspenderem atividades públicas Foto: Diego da Rosa/GES

A decisão do Comitê Técnico vai ao encontro do que já havia sido discutido na quarta-feira (19) durante reunião da Associação dos Municípios do Vale do Rio do Sinos (Amvars), que também definiu como orientação a suspensão de eventos públicos. Apesar de não ter força determinativa, a Amvars diz que a maior parte dos municípios da região deve acatar a orientação, porém, o tema ainda estava sendo deliberado na noite de quinta-feira. Alguns gestores só devem tomar uma decisão nesta sexta-feira (21) após ouvirem seu corpo técnico.

No caso dos dois maiores municípios da região, Novo Hamburgo e São Leopoldo, o anuncio da suspensão de eventos públicos já havia sido feito. Ainda nesta quinta, Ary Vanazzi (PT) realizou uma live na página oficial da prefeitura de São Leopoldo no Facebook para esmiuçar as medidas que o município vai adotar. O prefeito anunciou que o Hospital Centenário abrirá mais seis leitos clínicos de Covid-19, passando de 15 para 21. “Vamos reunir o comitê municipal segunda-feira para ampliar o debate sobre prevenção e retomada dos protocolos, para que a cidade não precise tomar medidas mais drásticas.”

Restrição de acompanhantes no HMNH

Em Novo Hamburgo, além da suspensão de eventos públicos, anunciados semanas atrás pela prefeita Fatima Daudt (PSDB), o Hospital Municipal de Novo Hamburgo (HMNH) também anunciou a restrição dos acompanhantes a pacientes internados. A medida foi anunciada na quinta-feira, horas antes da decisão do Comitê Técnico regional.

A nova determinação do HMNH é de que acompanhantes só serão aceitos em casos “ realmente excepcionais” e após avaliação de equipe multidisciplinar. Além disso, mesmo nos casos em que seja permitida a presença de acompanhantes, eles não poderão ter menos de 18 anos ou mais de 60 anos. Portadores de necessidades especiais também não poderão ser acompanhantes.

O infectologista Rafael Matiuzzi, que atua junto à Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo (FSNH), explicou que a restrição visa reduzir a circulação do vírus no ambiente do hospital. Matiuzzi ainda pede que pessoas com sintomas gripais não vão até o hospital. “Pedimos a quem apresentar tosse, febre, coriza e dor de garganta que não compareça ao hospital.”

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.