Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região VEJA FOTOS

Invernadas e missa crioula celebram São Pedro em Estância Velha

Evento na sede do CTG Gaudérios da Saudade começou na manhã deste domingo (26) e segue até o final da tarde, tendo como atração de encerramento a domingueira com 'Os Mateadores'

Por Susi Mello
Publicado em: 26.06.2022 às 15:34 Última atualização: 26.06.2022 às 17:00

Apresentações de invernadas e missa crioula marcaram homenagens a São Pedro, padroeiro do Rio Grande do Sul e adotado pela cultura tradicionalista gaúcha. A festa em Estância Velha, que leva o nome do santo, ocorre neste domingo (26), na sede do CTG Gaudérios da Saudade, com apoio da prefeitura. A expectativa é que o evento reúna aproximadamente 800 pessoas. A programação segue até as 18 horas. 

O tablado do CTG reuniu representantes do Gaudérios da Saudade, Mourão da Estância, Estância do Campo Grande e Serigote. Os grupos, que ensaiaram muito, transmitiam felicidade e muito conhecimento durante as apresentações.

Após as invernadas, o reitor do Santuário das Mães, padre Eduardo Saraiva, presidiu a missa crioula, onde a imagem de São Pedro esteve acompanhada de imagens de Santo Antônio, São Paulo e São João, também padroeiros de CTGs participantes da festa.

O presidente da AGE, Vilson Miguel Rauber, explica que as invernadas são quando os alunos de dança, embalados por músicas tradicionalistas, mostram o que aprenderam com os instrutores dos CTGs.

As invernadas pré-mirim, mirim, juvenil e adulta reuniram alunos dos instrutores Thales Farias e Julia Ramos (Serigote), Gabriel Bauermann (Gaudérios da Saudade e Mourão da Estância) e Richard Ely (Estância do Campo Grande).

Integrantes da invernada juvenil, do Estância do Campo Grande, como Vinícius Ritter, 15 anos, e Tuyzi Rockenbach, 13, demonstraram entusiasmo no tablado, mesmo com o friozinho na barriga. "A apresentação foi muito boa. Sempre dá um nervoso, com medo de errar, mas, com bastante ensaio, dá tudo certo", avalia Ritter, par de Tuyzi, que dança desde os 3 anos.

Retorno das categorias

As invernadas dos CTGs estão de portas abertas para mais integrantes.

Para Thales Farias, a volta dos eventos é importante. "As atividades não pararam e muitos foram convidando outros para integrar. Essa retomada é importante para que siga o tradicionalismo", opina.

Gabriel Bauermann conta que no Mourão da Estância e no Gaudério da Saudade a categoria veterana está sendo montada. "Agora, as pessoas sentem-se mais confiantes e queremos mais integrantes", frisa.

Também no Estância do Campo Grande há a volta do veterano e adulto. O instrutor Richard Ely, responsável pelo mirim e juvenil, conta que todos estão treinando bastante. Na festa, por exemplo, os menores apresentaram a dança do caranguejo, xote carreirinho e meia canha, enquanto o juvenil foi de tatu de castanholas, chimarrita e xote duas damas.

Programação

Domingo (26/6)

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.