Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Rio Grande do Sul LUTO

Deputado gaúcho confirma morte de filho após acidente de trânsito

Ex-prefeito de Cachoeira do Sul e atual deputado federal, Marlon Santos anunciou morte de jovem de 23 anos e doação dos órgãos

Por Da Redação
Publicado em: 21.06.2022 às 17:42 Última atualização: 21.06.2022 às 18:34

 O deputado federal gaúcho Marlon Santos confirmou na tarde desta terça-feira (21), a morte do seu filho Marlon Oliveira da Rosa, conhecido como Marlon Júnior, de 23 anos. Ele teve morte encefálica após um acidente de trânsito no último sábado (18), em Cachoeira do Sul, na região central, cidade onde o parlamentar foi prefeito e também atua como médium.

Deputado com o filho Marlon Júnior
Deputado com o filho Marlon Júnior Foto: Arquivo Pessoal

“Meu filho agora está no plano espiritual. Esse momento sempre é doloroso para quem fica aqui. A saudade é aquela coisa que mais vai martelar, mas esse é o amor. Quem sente amor, sente estas coisas da vida”, lamentou o deputado numa transmissão ao vivo. O deputado confirmou ainda que a família autorizou a doação de órgãos do filho.

Segundo o Hospital de Caridade e Beneficência (HCB), o jovem internou em leito de UTI e chegou a passar por procedimento neurocirúrgico, permanecia internado na Unidade de Terapia Intensiva em estado de saúde considerado gravíssimo desde então.

Na Polícia Civil, o caso é tratado como lesão corporal de trânsito. Conforme o registro policial, Marlon pilotava uma motocicleta e levava na carona uma adolescente de 17 anos. Por volta das 19 horas, um Chevrolet Onix teria cortado a frente do motociclista que bateu no carro. A colisão aconteceu na Rua Júlio de Castilho, no Centro. No automóvel, estava somente a motorista de 57 anos. A mulher, que não teve a identidade revelada, disse que não viu a moto quando fez a travessia da via preferencial. Ela foi ouvida e liberada pela polícia. A condutora do carro e a passageira da moto não ficaram feridas.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.