Publicidade
Opinião Opinião

PTB de São Leopoldo passa por intervenção estadual

Por Thiago Padilha
Publicado em: 16.07.2021 às 18:00

O apoio do diretório municipal do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) em São Leopoldo ao governo Ary Vanazzi (PT) levou a uma intervenção da estadual. Na terça-feira, o presidente estadual do PTB, Edir Oliveira, empossou uma comissão interventora na cidade, presidida pelo empresário Ricardo Monteiro e formada por Pastor Claudionor Oliveira, Pastor Adilson Carvalho, Olimar Queiroz e Pastora Rosane de Fátima Almeida Simão.

Em uma resolução do ano passado, assinada pelo presidente nacional Roberto Jefferson, "fica terminantemente vedada a efetivação de coligações" com o PT, Psol, PCdoB, Rede, PSB, PCB, PSTU e PCO. Em São Leopoldo, o PTB se coligou com três partidos dessa lista nas eleições do ano passado. "Os diretórios estaduais e municipais do PTB que descumprirem essa resolução estarão sujeitos à anulação de seus atos convencionais em desacordo com as diretrizes", diz a resolução nacional.

Na Justiça

O presidente afastado do PTB leopoldense, Regis Sanches, disse à coluna que irá recorrer da intervenção na Justiça, pedindo a anulação da decisão. "A executiva estadual fez uma intervenção e nomeou uma junta interventora se baseando nos fatos de que nós formulamos uma coligação com o PT nas eleições de 2020. Só que essa intervenção aconteceu agora, não foi feita no período da eleição, então, se perdeu o objeto", explica o petebista. Ele acrescentou que a direção estadual, por ser comissão provisória, também não pode fazer intervenção, como prevê o estatuto do partido.

Apoio a Bolsonaro

Segundo Sanches, Oliveira teria proposto relevar a situação leopoldense se o diretório municipal apoiasse o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nas eleições do ano que vem. "Não temos nenhum candidato ainda. O PTB sempre foi um partido de centro. Estamos aguardando um partido de centro, nem de extrema esquerda, nem de extrema direita", explica.

Foco no trabalho

Único vereador eleito pelo PTB, Marcelo Dentinho ficou surpreso. "Até o momento não fui procurado por ninguém para tratar do tema e não recebi nenhum comunicado oficial sobre essa possível alteração. De qualquer forma, meu foco continua sendo o de trabalhar pela população através de meus projetos, já que fui eleito para isso", reforça.

Doação em Sapucaia do Sul

A presidente do PSD Mulher Sapucaia do Sul, Priscila Borges, recebeu mil frascos de álcool gel e 2 mil máscaras de uma rede de farmácias e doou ontem para a Secretaria de Educação. Participaram da entrega o presidente da Câmara, Jorge Barbosa (PSB), o prefeito Volmir Rodrigues (Progressistas) e vice Imília de Souza (PRTB).


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.